quarta-feira, 19 de novembro de 2014

POLÍCIA JÁ APREENDEU UM MENOR QUE PARTICIPOU DO ESPANCAMENTO DE MULHER EXIBIDO NA INTERNET






Últimas informações do caso.

O vídeo que está circulando nas redes sociais contendo imagens de um homem batendo de forma covarde numa mulher com um pedaço de madeira da conta que a situação aconteceu em Santarém, mas não é; o fato aconteceu em uma comunidade do município de São Gonçalo, Rio de Janeiro e trata se de uma negociação mal sucedida do narcotráfico. O elemento que aparece batendo na mulher é o traficante conhecido como Sombra, ele foi preso após um menor que gravou o vídeo a mando dele mostrar as imagens dantescas numa feira.

A Mulher em questão trabalhava para os traficantes e os traiu, segundo um policial da Narcóticos da Polícia Civil do Rio ela pegou certa quantidade de pedras (Crack) para abastecer bocas da Região e desapareceu com a droga e o dinheiro sendo apanhada uma semana depois numa cracolandia de uma cidade próxima e levada até o QG dos traficantes onde teve o cabelo cortado e levado uma surra de ripa.

Cenas fortes de uma mulher sendo cruelmente espancada com um pedaço de madeira, possivelmente por traficantes em São Gonçalo, na Região Metropolitana do Rio, estão circulando nas redes sociais. O vídeo compartilhado e assistido por milhares de internautas tem apenas 36 segundos, mas a delegada Mônica Areal, da 74ª DP (Alcântara), que investiga o caso, diz que o original dura dois minutos. O material foi encontrado no telefone celular de um menor apreendido por policiais do 7º BPM (São Gonçalo), no último dia 11, na Favela da Linha, no Rio do Ouro. O adolescente, de 15 anos, estava com uma pequena quantidade de maconha. Ele confessou ter participado da sessão de espancamento.

Blogueiro que fez campanha contra violência - Fala sobre o Vídeo que foi deletado

De acordo com a delegada, nos primeiros momentos do vídeo original, o garoto raspa a cabeça da mulher, que aparece sentada num banco. Enquanto isso, ela tenta se defender, dizendo não ser culpada de nada. Em seguida, um segundo rapaz chega com um pedaço de madeira e começa a espancá-la. Na sequência, é possível notar uma arma na cintura do agressor. A vítima cai do banco, mas o rapaz só para de bater quando a madeira quebra. A delegada disse que as cenas foram gravadas há pouco mais de dez dias.

— O adolescente confessou calmamente o que fez com a mulher. Ele disse que não matou e que a tortura aconteceu por ela ter feito uma fofoca num presídio sobre um outro menor. Ele não deu detalhes sobre quem era o outro agressor. Por isso, por enquanto, a investigação está suspensa — explica Mônica Areal.

A Delegada que está a frente do caso comentou - Fiquei chocada com o vídeo. Sou delegada, mas também sou humana. Quase não consegui dormir no dia.
Fonte: Alerta Notícias  - R7 Notícias


É hora de sorrir um pouco - Veja o vídeo